HomeAcoesComprar Frontline

Como comprar ações da Frontline (FRO) no Portugal em 2022

Frontline (FRO)
...
Câmbios 24h
...
exchange
...
Autor: Mircea Vasiu Atualizado: May 23, 2022

A Frontline é uma empresa sediada nas Bermudas que atua no setor de petróleo, armazenamento de gás e transporte. Além de operar navios petroleiros e derivados, a Frontline também freta, compra e vende navios. A pandemia do COVID-19 levou a grandes interrupções na demanda por petróleo à medida que a economia mundial entrava em recessão.

A indústria de transporte de petróleo sofreu diretamente, pois os estoques de petróleo se acumularam à medida que a demanda caiu drasticamente. Muitas empresas de transporte de petróleo não sobreviveram, mas a Frontline sim e, em dezembro de 2020, opera uma frota de 68 navios. À medida que as economias mundiais se recuperam da crise pandêmica, a demanda por petróleo está de volta, assim como o volume de petróleo transportado.

Este artigo é um guia sobre como comprar ações da Frontline para aproveitar a recuperação econômica global e se beneficiar da reviravolta nos mercados de energia. Observaremos a análise fundamentalista e outros fatores específicos da empresa e do setor, para que você tenha tudo à mão para comprar ações da Frontline com confiança.

5 etapas para comprar criptomoedas instantaneamente!

  1. 1
    Visite nossa plataforma recomendada para comprar cripto, clicando no botão abaixo.
  2. 2
    Insira seus dados nos campos necessários para criar uma nova conta.
  3. 3
    Deposite dinheiro na sua conta usando o seu método de pagamento preferido e confirme seu saldo.
  4. 4
    Escolha sua criptomoeda favorita e selecione uma "Ordem de Mercado/Instantânea” para comprar rapidamente.
  5. 5
    Digite o valor que deseja comprar (você verá o equivalente em cripto) e confirme seu pedido!

Tudo o que você precisa saber sobre Frontline

Começaremos com uma análise da história da empresa e como ela ganha dinheiro, sua estratégia e qual foi o desempenho do preço das suas ações nos últimos anos.

A sua história

A Frontline foi fundada em 1985 na Suécia. Em 1996, a Hemen Holding Limited tornou-se o acionista majoritário. A Hemen é controlada indiretamente por John Fredriksen e apoiou a decisão de mudar a sede da Suécia para as Bermudas em 1997. As ações da empresa começaram a ser negociadas na Bolsa de Valores de Nova York em agosto de 2001 e, desde então, retornou dividendos significativos aos acionistas.

Entretanto, a frota da empresa aumentou significativamente. A Frontline se dedica ao transporte de petróleo bruto e seus derivados refinados relacionados e opera nos mercados spot e time charter.

Qual é a sua estratégia?

A Frontline analisa as oportunidades de aluguel e tenta otimizá-las da melhor forma possível. A empresa tenta ter uma cobertura fixa da receita de aluguel da frota e, caso não consiga para toda a frota, tenta trocar o saldo da frota no mercado spot.

O tamanho da frota é importante no setor de petroleiros, que é altamente cíclico. Ajuda a negociar termos com clientes e afretadores e permite que a empresa obtenha condições competitivas de fornecedores ou construtores navais.

A Frontline se esforça para atingir custos operacionais competitivos por meio da alta utilização de suas embarcações. Condições de financiamento favoráveis também são essenciais para o desempenho financeiro da empresa, bem como para a terceirização de gestão técnica e de pessoal.

Como ganha dinheiro?

Frontline transporta petróleo e produtos refinados. Seus clientes são grandes empresas petrolíferas, bem como empresas de comércio de petróleo.

Opera VLCCs (Very Large Crude Carriers) no mercado de petroleiros, entre outros tipos de navios, como Suezmax, Aframax ou LR2. A Frontline opera em um mercado altamente fragmentado e competitivo, formado por dois tipos principais de operadores – grandes frotas de petroleiras e frotas de armadores independentes.

Qual foi o seu desempenho nos últimos anos?

O preço das ações da Frontline flutuou muito nos últimos cinco anos, chegando a US$ 13 e a US$ 4. A pandemia de COVID-19 e o subsequente declínio do preço do petróleo para território negativo levaram à paralisação do mercado de navios-tanque.

O preço das ações caiu pela metade nos meses seguintes a abril de 2020, mas as baixas de 2018 na área de US$ 4 se mantiveram. Aqueles dispostos a comprar ações da Frontline em meio à pandemia de 2020 viram o preço das ações aumentar significativamente desde então.


Análise fundamentalista da Frontline

A próxima parte do artigo é dedicada à análise fundamentalista da empresa. Os traders usam a análise fundamentalista para descobrir se o preço das ações está supervalorizado ou não e se está refletindo o valor intrínseco da empresa. Vamos dar uma olhada na receita da Frontline, lucro por ação, índice P/L, rendimento de dividendos e posição do fluxo de caixa.

Receita 

A receita é a primeira linha da demonstração de resultados e mostra a quantidade de dinheiro que a empresa ganha com a venda de seus produtos e serviços. O aumento das receitas mostra a capacidade da empresa de expandir sua gama de produtos ou de alcançar mais clientes por meio da expansão em outros mercados. A queda nas receitas mostra uma participação de mercado cada vez menor, aumento da concorrência ou simplesmente um modelo de negócios incapaz de crescer mais.

As receitas podem ser afetadas por fatores exógenos, independentemente das ações da empresa. A indústria de navios-tanque é uma dessas indústrias em que a evolução do preço do petróleo leva a grandes flutuações nas receitas relatadas.

A Frontline ganhou US$ 1,221 bilhão em receitas operacionais totais em 2020 e US$ 364 milhões durante os dois primeiros trimestres de 2021. À medida que o preço do petróleo se recuperou das mínimas de 2020, espera-se que a indústria de navios-tanque também se recupere, portanto, as receitas devem melhorar nos trimestres e anos à frente.

Lucro por ação (EPS) 

O lucro por ação ou EPS é outra métrica fundamental que os investidores analisam. Ele mostra a lucratividade da empresa por uma única ação, se houver, e quanto maior o número, melhor.

O EPS é apresentado em duas formas – básico e diluído. O EPS básico é calculado deduzindo-se os dividendos preferenciais do lucro líquido e dividindo-se o resultado pela média ponderada do número de ações em circulação no exercício.

A Frontline relatou um EPS de US$ 2,11 para o ano fiscal de 2020, mas lutou em 2021 para encontrar o caminho para a lucratividade. No segundo trimestre do ano fiscal de 2021, a Frontline registrou uma perda de -US$ 0,13 por ação.

Índice P/L 

O índice preço/lucro ou índice P/L mostra quanto os investidores estão dispostos a pagar por $ 1 em lucros anuais que a empresa ganha. Efetivamente, ele é calculado dividindo o preço atual do mercado de ações pelo EPS e quanto maior o número, menos atraente é a empresa. Em outras palavras, o índice P/L mostra em quantos anos os investidores recuperarão seu dinheiro se os lucros anuais da empresa permanecerem inalterados.

O fraco desempenho da Frontline durante a pandemia do COVID-19 fez a relação P/L disparar. Estima-se que para 2021 a relação P/L seja de 142,88, mas espera-se que se “normalize” nos próximos anos, chegando a 2,95 até 2024.

Rendimento de dividendos 

A Frontline costumava pagar dividendos aos seus acionistas, mas não o faz mais. Mais uma vez, os desenvolvimentos no mercado de petróleo durante a pandemia impactaram severamente a lucratividade da empresa e, assim, a administração decidiu deixar de pagar dividendos.

Dada a longa história de pagamento de dividendos, a política provavelmente retornará no futuro, assim que a indústria de navios-tanque se estabilizar. Como a Frontline não paga dividendos no momento da redação deste artigo, não podemos calcular seu rendimento de dividendos.

Fluxo de caixa 

A posição de fluxo de caixa de uma empresa diz muito sobre sua capacidade de atender a problemas de liquidez e solvência de curto e longo prazo. Quanto maior a posição do fluxo de caixa, melhor, mas o dinheiro parado sem ser investido traz custos de oportunidade. Assim, as empresas com excesso de fluxo de caixa investem em diversos instrumentos financeiros, como títulos negociáveis ou títulos de longo prazo.

A demonstração do fluxo de caixa de uma empresa mostra o fluxo de caixa do investimento, das operações e do financiamento. Uma métrica importante, que os investidores gostam, é o fluxo de caixa livre. Esta é a quantidade de dinheiro que resta depois que a empresa cobre todos os custos de permanecer no negócio.

Prevê-se que a posição de fluxo de caixa livre da Frontline melhore nos próximos anos e atinja US$ 684 milhões até 2024.

Por que comprar ações da Frontline?

Aqui estão algumas razões a considerar que podem convencê-lo a comprar ações da Frontline com confiança.

  • Frota grande e moderna, com muitos VLCCs. VLCCs são capazes de passar pelo Canal de Suez no Egito;
  • Forte demanda por petróleo à medida que as economias mundiais se recuperam após o choque do COVID-19;
  • Melhorias nas perspectivas econômicas globais;
  • O petróleo transportado está de volta aos níveis de 2019.


Dica de especialista sobre como comprar ações da Frontline

A Frontline está mudando sua frota e investindo fortemente em VLCCs do tipo ECO. A empresa firmou um acordo em junho de 2021 para comprar dois VLLCs do tipo ECO de última geração construídos em 2019 e o estaleiro HHI na Coreia do Sul. Com entrega prevista para o quarto trimestre de 2021, os dois VLCCs contribuirão para a lucratividade da empresa, pois são opções atraentes para clientes forçados a se tornar "verdes" em relação às preocupações ESG.
- Mircea Vasiu

5 Coisas a Se Considerar Antes de Comprar Ações da Frontline

Antes de investir, considere o seguinte:

Entenda a empresa

Tudo começa com uma boa compreensão da empresa, como ela ganha dinheiro e qual é a sua posição financeira. Como investidor, é sempre uma boa ideia verificar as tendências do setor, a previsão para os próximos anos, a orientação futura fornecida pela administração e assim por diante. Quanto mais você souber sobre a empresa, mais confiante você estará para investir.

Entenda o básico do investimento

Investir requer algum conhecimento de conceitos básicos, como como fazer um pedido com seu corretor, quais tipos de pedidos estão disponíveis para uso ou como aplicar regras de gerenciamento de dinheiro para melhor diversificação de seu portfólio de investimentos.

Escolha cuidadosamente o seu corretor

A indústria de corretagem cresceu exponencialmente à medida que mais e mais investidores se aventuraram nos mercados financeiros. A concorrência acirrada levou às melhores práticas, mas nem todos os corretores são criados da mesma forma. A devida diligência é necessária antes de escolher um corretor e, como investidor, você pode querer investir com um corretor regulamentado, que ofereça proteção de saldo negativo, tenha análises sólidas de clientes e separe os fundos dos clientes dos fundos necessários para administrar o negócio

Decida quanto você quer investir

Este é um aspecto crucial do investimento. Todo mundo quer ficar rico rápido e ninguém está disposto a esperar pacientemente que isso aconteça. Portanto, as decisões erradas acabam sendo catastróficas para a conta de investimento, como apostar todos os seus fundos em uma única empresa.

Em vez disso, pense em diversificar seu investimento e espalhar o risco por diferentes empresas, setores e indústrias. Uma das melhores práticas aqui é investir uma certa porcentagem de sua conta de negociação em qualquer empresa e sempre ter uma posição de caixa para aproveitar as oportunidades de mercado.

Decida um objetivo para o seu investimento

O que você quer do seu investimento? Você pode querer investir para a aposentadoria e, em seguida, uma estratégia de compra e retenção seria a escolha certa. Além disso, pense em investir em empresas que pagam dividendos para atingir esse objetivo com facilidade, devido ao aumento da taxa de composição do reinvestimento dos dividendos. Independentemente do motivo para investir, certifique-se de definir seu objetivo, fazer um plano e cumpri-lo.

Confira aqui o que é mais importante na compra de ações da Frontline

A Frontline é líder mundial no transporte marítimo de petróleo bruto e produtos refinados de petróleo. Opera uma das frotas mais modernas do setor de navios-tanque, formada por 68 embarcações compostas por VLCCs, navios-tanque Suezmax, além de navios-tanque LR2/Aframax.

Investidores que se sintam confiantes o suficiente para comprar ações da Frontline podem fazê-lo usando os serviços de uma das plataformas listadas neste artigo. Basta procurar a empresa, fazer seu pedido e monitorar ou gerenciar seu portfólio.

Os investidores que ainda hesitam podem dedicar mais tempo para pesquisar a empresa ou aprender mais sobre investimentos. Se for esse o caso, sinta-se à vontade para verificar nossos materiais educacionais e também usar outras fontes para construir a confiança necessária para investir nos mercados financeiros.

Açōes Alternativas

Perguntas frequentes

  1. Muitos riscos existem. A Frontline transporta petróleo bruto e produtos refinados, portanto, existe o risco de desenvolver outras formas de movimentação de petróleo e derivados, como novos oleodutos no Golfo Pérsico ou na África Ocidental. Outros riscos são políticos, ou o risco de um conflito armado no Golfo Pérsico ou na África Ocidental, afetando o petróleo das duas regiões produtoras de petróleo. A Frontline passou por momentos difíceis durante a pandemia, pois a demanda por petróleo caiu drasticamente, mas a recuperação subsequente cria um forte impulso e os investidores podem querer comprar ações da Frontline.

  2. Existem convenções internacionais que impõem responsabilidade pela poluição em águas internacionais. Por causa disso, os operadores de navios-tanque precisam atualizar sua frota constantemente ou então pagar custos de seguro mais altos. A Convenção Bunker exige que os proprietários de navios com mais de 1.000 toneladas brutas tenham seguro contra danos causados pela poluição.

  3. A Frontline opera uma frota moderna. Os navios mais antigos foram construídos em 2004 (ou seja, dois VLCCs) e a maioria dos outros navios foram construídos após 2015. Em 31 de dezembro de 2020, a Frontline opera 68 navios, dos quais possui 60 (15 VLCCs, 27 navios-tanque Suezmax , 18 petroleiros LR2/Aframax).

  4. Para começar, as despesas operacionais da embarcação são fundamentais para a lucratividade da empresa. Estes são custos diretos associados à operação de uma embarcação e incluem reparos e manutenção, seguro ou óleos lubrificantes, para citar alguns. Outros fatores são típicos para qualquer empresa, como depreciação, perdas por redução ao valor recuperável em ágio ou ganhos e perdas em derivativos.

  5. Um aumento no consumo global de petróleo beneficiaria a Frontline. Isso significa que há mais petróleo a ser movimentado e isso significa negócios para a Frontline. Outra coisa a considerar é a política da OPEP+, pois pode afetar as taxas dos navios-tanque, pois os clientes podem decidir movimentar mais ou menos petróleo, dependendo das decisões da OPEP+. Em última análise, o preço do petróleo – preços mais altos do petróleo são benéficos para a Frontline.

  6. A melhor maneira de fazer isso é usar um sistema de gerenciamento de dinheiro adequado em suas operações de investimento. Efetivamente, refere-se a encontrar o nível que invalida seu cenário de alta para as ações da Frontline e, em seguida, definir uma ordem de stop-loss no nível. O corretor o tirará automaticamente da sua posição se o preço de mercado o atingir.